Ultimas Notícias
TSE aumenta teto de gastos de campanha para deputados federais e estaduais

 O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou hoje (30 de
junho) a adoção do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a
inflação oficial calculada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e
Estatística (IBGE), como critério principal para o cálculo dos limites
de gastos de campanha nas Eleições 2022.

NOVOS LIMITES

Pelo critério aprovado, o limite para os gastos da campanha a
presidente, por exemplo, que foi de R$ 80 milhões em 2018, neste ano se
aproximará dos R$ 90 milhões, após o valor ser corrigido pela inflação
dos últimos quatro anos. Em eventual segundo turno, tal limite deve
ficar próximo de R$ 45 milhões.

No caso das disputas para deputado federal e estadual, os limites
devem ficar em torno de R$ 3,1 milhão e R$ 1,2 milhão, respectivamente.
Os números exatos devem ser divulgados pelo TSE até o dia 20 de julho,
conforme previsto no calendário eleitoral.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: